Aprenda a meditar, excelente video

MSG

Quem Somos

Somos pessoas que acreditam na liberdade de expressão, pessoas que possuem a mente aberta e que independente da raiz estelar que podemos ter vindo, acreditamos que todos somos 1, Amamos a fonte Criadora, amamos a Natureza e a viva mãe Gaia (Terra), não possuímos qualquer placa religiosa por entender que as pessoas se unem pelo amor e não pela placa, no final das contas somos meros 22 gramas nem mais nem menos, o que importa eh a luz que conseguimos irradiar.
Acreditamos sim ter nossas raízes vinda das Plêiades, mas acima disso, acreditamos no poder do infinito onde entendemos que somos mágicos e que a vida tanto na terceira dimensão como em outras eh sempre uma lição a qual vamos sempre aprender coisas novas e fazer novos amigos/irmãos.
Bem Vindos ao Blog dos Plêidianos com AMOR os Saudamos sintam-se em casa.
Luara, Graciano, Priscila e Raquel
❥✫✫✫...¸.•°*”˜˜”*°•.ƸӜƷ ...❥✫✫..¸.•°*”˜˜”*°•.ƸӜƷ ♥ ░░ ♥ ♪ღ♪ ❥✫✫✫...¸.•°*”˜˜”*°•.ƸӜƷ ...❥✫✫..¸.•°*”˜˜”*
Dica: Ouçam nossa playlist ;)


Seja Feliz !

Seja Feliz !
Seja Feliz !

quarta-feira, 25 de abril de 2012

TELOSIANOS


TELOSIANOS



Os Telosianos são habitantes intraterrestres originários de civilizações humanas antiquíssimas, que habitaram a superfície da Terra, como a Lemúria e a Atlântida e, portanto, geneticamente relacionados à humanidade. A descrição mais famosa de uma dessas raças antigas é encontrada na publicação póstuma "diários" do Almirante Richard Byrd, onde descreve uma expedição secreta para o Polo Norte, tendo sido ele levado para a habitação subterrânea de seres de avançada tecnologia, com características físicas nórdicas.

Telos é uma grande cidade subterrânea, que dizem estar localizada abaixo do Monte Shasta, Califórnia, e que foi descrita tanto por indivíduos que tanto viajaram fisicamente para esta cidade, quanto por aqueles que afirmam ter-se comunicado telepaticamente com os moradores desta civilização. O ufólogo proeminente, William Hamilton, afirma ter-se encontrado com representantes de Telos, que descreveram para ele a tecnologia avançada e a estrutura de Telos, bem como sua conexão com a antiga civilização da Lemúria.


De acordo com a Dianne Robbins, que afirma ter-se comunicado telepaticamente com os Telosianos, eles são remanescentes da antiga Lemúria, que fizeram do Monte Shasta sua casa, após a destruição do seu continente. Originalmente, sua população se resumia a 25.000 indivíduos. Sua civilização floresceu nas cavernas subterrâneas do Monte Shasta e se se multiplicou até atingir a soma de 1,5 milhões de habitantes. Fazem uso de tecnologias psicotrônicas, e utilizam-se de cristais e de suas habilidades mentais altamente desenvolvidas, a fim de manter uma sociedade extremamente avançada, que interage com os extraterrestres de um grande número de sistemas estelares.


Características dos Telusianos

Os Telosianos são parte da ordem espiritual de “Melquizedec”, com conexões à mente coletiva de Ashtar e tem tratamentos com extraterrestres em Arcturus, Sirios e Saturno. São altos e loiros, habitantes de uma rede do subsolo reestabelecida de colônias antediluvianas. Podem ter leve contato com os Pleidianos e outros grupos. Por meio de antigos laços ancestrais, se diz que os Telosianos possuem veículos interestelares e são um ramo da rede sub-internacional de Agharti e sua “Frota Prateada”.
 

Os telosianos e outras civilizações intraterrenas procuram interferir nos acordos bélicos realizados entra a humanidade e aliens hostis, enquanto observam e ajudam no crescimento evolutivo da consciência humana. A ajuda ao planeta, fornecida pelos telosianos, inclui: proteção ambiental, promoção da biodiversidade, modernização da medicina, ampliação da longevidade humana e recuperação do conhecimento histórico da raça humana da superfície, perdida através dos milênios.



Como vivem

 A cidade está dividida em vários setores que partilham o mesmo governo local. O complexo urbano é dividido em 5 níveis, conforme a sua profundidade, abrangendo vários quilômetros quadrados abaixo Monte Shasta.

 O primeiro nível: grande percentagem da população vive abaixo da cúpula, no primeiro nível. Esta também é a parte onde os edifícios administrativos e públicos e vários templos estão situados. No centro deste nível se situa o templo principal, dedicado ao sacerdócio de Melquisedeque, chamado de Templo de Mara, uma estrutura em forma de pirâmide capaz de abrigar 10.000 pessoas. A pirâmide é branca, feito de uma rocha denominada "pedra viva", que nos foi doada pelos Seres de Vênus.


O segundo nível: esse é o lugar onde toda a produção e fabricação dos produtos básicos, para a população da cidade, tem lugar. É também a área de várias escolas para as crianças e adultos. Muitos habitantes de Telos têm suas moradas edificadas nesse nível.

 O terceiro nível: é totalmente consagrado aos jardins hidropônicos, onde toda a oferta de alimentos é cultivada em cerca de 7 hectares de terra, produzindo uma dieta que é muito interessante e divertida, e que oferece muita variedade. Os métodos de jardinagem são tão eficazes, que sete hectares de terra é tudo o que precisam para fazer crescer, abundantemente, uma variedade muito grande de alimentos, capaz de dotar um milhão e meio de habitantes com corpos fortes, saudáveis e que não envelhecem.

Os jardins hidropônicos são capazes de produzir culturas em uma base auto-sustentável. Pode-se cultivar alimentos muito mais rapidamente, usando tecnologia hidropônica avançada, utilizando pouco solo e muita água, sem o uso de produtos químicos, que empobrecem o solo. A comida é totalmente orgânica, detentora da mais alta vibração, pois além de os jardineiros adicionarem minerais orgânicos na água, para as plantas, seus cultivos também são reforçados e vivificados pela Grande Luz, a energia e a vibração positiva de amor de Telos. Essa é a magia da consciência da quinta dimensão, que os humanos da superfície vão descobrir logo, mais provavelmente nessa década ou no início da próxima.


 O quarto nível: contêm alguns jardins hidropônicos, algumas áreas de fábricas e uma grande área de vegetação, formada por um parque, pequenos lagos e fontes.

O quinto nível: é totalmente consagrado à natureza. Há árvores altas, lagos, atmosfera e vários tipos parque. Este é o lugar onde são mantidos todos os animais e muitas plantas que já não existem mais na superfície. Os animais são todos vegetarianos e não comem uns aos outros, vivendo lado a lado em total harmonia, sem medo e sem qualquer agressividade. Telos é realmente o lugar onde o leão e o cordeiro se deitam lado a lado e dormem juntos, com total confiança.



Relatos:

O Almirante Richard Byrd, que descreve uma expedição secreta para o Polo Norte, tendo sido ele levado para a habitação subterrânea de seres de avançada tecnologia, com características físicas nórdicas. Ele mostrou algumas das maravilhosas tecnologias desta sociedade e também se reuniu com o seu líder, que teria dito:

 "Nós o trouxemos aqui porque você, Almirante, tem de caráter nobre e é bem conhecido no mundo da superfície. Você está no domínio do Arianni, o mundo interior da Terra... Vou lhe dizer por que foram convocados aqui. Nosso interesse começou justamente após a sua raça explodir as primeiras bombas atômicas sobre Hiroshima e Nagasaki, no Japão. Foi nesse momento alarmante que enviamos nossas máquinas voadoras, o "Flugelrads", para o seu mundo da superfície, a fim de investigar o que sua raça tinha feito. Você vê, nós nunca interferimos antes nas guerras e barbáries de sua raça, mas agora é preciso, uma vez que vocês aprenderam a mexer com um poder que não é para o homem, o da energia atômica. Nossos emissários já enviaram mensagens para os governantes do seu mundo, e eles ainda não nos deram ouvidos. Agora você foi o escolhido para ser testemunha de que o nosso mundo existe. Você vê, a nossa cultura e ciência estão milhares de anos além das da sua raça, Almirante."

O ufólogo proeminente, William Hamilton, afirma ter-se encontrado com representantes de Telos, que descreveram para ele a tecnologia avançada e a estrutura de Telos, bem como sua conexão com a antiga civilização da Lemúria. Hamilton descreveu um Telosiano, 'Bonnie', e sua família como se segue:

"Bonnie, sua mãe (Rana Mu), seu pai (Ra Mu), sua irmã Judy, seus primos e Lorae Matox, vivem em nossa sociedade, retornando frequentemente à Telos para descanso e recuperação. Bonnie diz que seu povo usa enormes máquinas para perfuração de túneis na Terra. Estas máquinas de perfuração transmitem calor para a rocha, que se torna incandescente e, em seguida vitrifica-se, eliminando assim a necessidade de vigas e suportes. Os túneis de trânsito são usados para ligar as cidades que existem em várias regiões subterrâneas do nosso hemisfério. Seus trens subterrâneos são movidos por impulsos eletromagnéticos até velocidades de 2500 mph (4020Km/h). Um desses túneis de ligação conecta Telos com uma de suas cidades na selva de Mato Grosso, no Brasil. Eles cultivam alimentos hidropônicos, sob iluminação de espectro completo, em seus jardins trabalhados por autômatos. A comida e os recursos de Telos são distribuídos em abundância para seu milhão e meio de habitantes, que vivem em uma economia onde não existe o dinheiro."

Uma breve historia dos Telosianos:




Fonte:

Nenhum comentário:

Postar um comentário